8.6.04

Eu comprei uma câmera digital. Sim, eu realizei meu sonho de infância, porque embora na minha infância não existissem câmeras digitais, eu já tinha sonhos estranhos e um deles era uma máquina fotográfica onde coubessem trocentas mil fotos e eu pudesse deletar imagens em que meus três queixos davam o ar da sua graça.

E, putaquepariu, com a maldita câmera fotográfica na bolsa eu não tive como tirar uma foto do mendigo cagando em plena Avenida Portugal. Foi a cena mais linda de todos os tempos, aquele farrapo humano agachado no chão, fazendo força, e depois levantando com o sorriso mais satisfeito do mundo.

E o melhor de tudo é que isso esclareceu uma daquelas questões que me faziam perder o sono: onde os mendigos cagam.